Palavra do Presidente do CFC

Palavra do presidente

 

O voluntariado já faz parte do dia a dia dos brasileiros. Uma pesquisa realizada, em 2017, pela  Charities Aid Foundation (CAF), instituição com sede no Reino Unido e que no Brasil é representada pelo Instituto para o Desenvolvimento do Investimento Social (IDIS), reforça  essa prática.

Ainda, segundo um estudo denominado World Giving Index 2017, um em cada cinco brasileiros  fez algum tipo de trabalho voluntário. O percentual de pessoas que praticaram ações voluntárias chegou a 20%. Ponto para o Brasil. E, pegando essa carona solidária, o Conselho Federal de Contabilidade (CFC) vem ampliando e aprimorando o Programa de Voluntariado da Classe Contábil (PVCC), há mais de dez anos.

Programa esse que possui mais de 7500 voluntários da classe contábil. É uma marca que só tende a crescer, porque nossos profissionais possuem muitos méritos que enaltecem a Contabilidade como impulsionadora do desenvolvimento social e econômico.

E ferramentas não faltam, o PVCC, que é composto pelos subprogramas Rede Nacional de Cidadania Fiscal (Observatórios Sociais), Educação Financeira, Doação ao Funcriança e Fundo do Idoso e Ações locais de voluntariado, tem o seu merecido reconhecimento pelos projetos que executa. São ações com foco na transparência, na cidadania e, principalmente, na ética profissional, que é o nosso norte para estimular o compromisso da classe contábil com o voluntariado.

O Sistema CFC/CRCs, por meio das ações do Programa em nível nacional, se empenhará para conquistar o que toda a sociedade almeja: um país mais justo, transparente e igualitário. E o voluntariado é parte desse processo.